NEWS

IX CBUC tem data confirmada em Florianópolis! Inscrições até dia 19 de julho de 2018!

Evento reunirá entre julho e agosto de 2018, na capital de Santa Catarina, grandes nomes da conservação da natureza.

 

Com cenários inspiradores e biodiversos, Florianópolis (SC) será a cidade-sede do IX Congresso Brasileiro de Unidades de Conservação (CBUC), um dos mais importantes encontros internacionais sobre áreas protegidas e conservação da natureza da América Latina. Entre os dias 31 de julho e 2 de agosto de 2018, especialistas do Brasil e do mundo estarão reunidos para discutir o tema “Futuros Possíveis: Economia e Natureza” e definir diretrizes para a implementação de políticas públicas de conservação.

Realizado periodicamente desde 1997 pela Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza, o CBUC é conhecido por trazer ao Brasil especialistas globalmente reconhecidos e por propiciar a troca de experiências e a inspiração daqueles que trabalham à frente das áreas naturais protegidas. Até hoje, em suas oito edições realizadas em diferentes cidades brasileiras, o evento contou com mais de dez mil participantes de diversos países, 338 palestras e conferências, 807 trabalhos técnicos apresentados, 14 simpósios e 96 moções aprovadas em plenárias e encaminhadas aos órgãos competentes – destacando contribuições para a criação, ampliação e implementação de Unidades de Conservação em diferentes regiões brasileiras.

 

“Neste IX CBUC, queremos reforçar e ampliar a discussão sobre como a conservação é a base para uma economia sustentável no longo prazo. A natureza e os ecossistemas têm relevante valor para o bem-estar humano e para possibilitar a existência das atividades econômicas”,

analisa a diretora da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza, Malu Nunes. Entre os temas a serem abordados estão a relação entre negócios e biodiversidade, os benefícios das áreas protegidas para a sociedade e modelos inovadores de conservação da natureza.

 

Já estão confirmados palestrantes como Jason Clay, vice-presidente sênior de Mercados e Alimentação do WWF dos Estados Unidos; John Amos, geólogo e presidente da organização não governamental SkyTruth; e Pedro Paulo Diniz, empresário e ex-piloto de Fórmula1 que atualmente se dedica à produção em larga escala de alimentos orgânicos.

 

Paralelamente ao CBUC, outros dois eventos serão realizados de forma simultânea: o Simpósio Internacional de Conservação da Natureza e a Mostra de Conservação da Natureza. Assim, a programação será abrangente, incluindo conferências, palestras e simpósios, além de mostras que possibilitarão ao público presente ter contato com iniciativas e projetos inovadores.

 

“Nossa intenção é criar um ambiente colaborativo e de novas ideias em busca de estratégias e ferramentas para o fortalecimento do Sistema Nacional de Unidades de Conservação (SNUC). Vemos o CBUC, o Simpósio e a Mostra como ferramentas para divulgar os resultados gerados pela ciência e engajar a sociedade para garantir um planeta com condições de vida a todos”,

reforça Malu.

 

A programação preliminar do IX CBUC está disponível no site www.fundacaogrupoboticario.org.br/cbuc. As inscrições online vão até 19 de julho.

 

Trabalhos técnicos

Uma das novidades do evento será a apresentação de trabalhos técnicos em formato de pôsteres digitais, o que evita a impressão em papel e traz um caráter mais dinâmico e interativo para a discussão. Cerca de 130 consultores voluntários de diversas áreas de conservação da natureza analisaram 376 propostas enviadas e, destas, 85 foram aprovadas para serem apresentadas durante o evento. Trata-se de uma importante atividade de compartilhamento de informações técnicas para o público esperado do evento, que vai desde profissionais a estudantes, além de servidores, pesquisadores, gestores de áreas protegidas e tomadores de decisão.  Os trabalhos contemplam 5  eixos temáticos: Biologia da conservação, Comunicação e mobilização, Novas soluções para gestão de áreas naturais, Políticas públicas para conservação; e Natureza, economia e bem-estar. A lista com os aprovados está disponível neste link.

 

UCs em Florianópolis e no Brasil

A escolha da capital catarinense como sede do IX CBUC busca reforçar a necessidade de ampliar as ações de conservação de ecossistemas semelhantes aos abrigados pela região, especialmente as áreas costeiras e marinhas, incluindo mangues, restingas, dunas, praias e florestas de encostas e planícies. Isso é, representa uma parte da imensa biodiversidade brasileira, que merece a proteção por um conjunto de Unidades de Conservação (UC) representativas, tal qual outras regiões do País.

 

Em todo o Brasil, há mais de duas mil UCs – federais, estaduais e municipais – que protegem importante parcela do patrimônio natural nacional. Porém,  a proteção ainda é em percentagem menor do que a recomendada pela Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Diversidade Biológica (CDB), da qual o Brasil faz parte.

 

Estabelecidas no âmbito da CDB, as chamadas Metas de Aichi indicam que pelo menos 17% de áreas terrestres e de águas continentais e 10% das áreas marinhas e costeiras sejam protegidos até 2020. À exceção da Amazônia, todos os biomas continentais estão abaixo da meta. A situação é ainda mais crítica na área marinha, da qual apenas 1,5% está inserido dentro de UCs.

 

Conheça os eventos paralelos

Simpósio Internacional de Conservação da Natureza

O evento conta com a participação de alguns dos maiores especialistas do mundo na temática e ocorrerá nas tardes de terça a quinta-feira. O Simpósio destina espaço a discussões centradas em assuntos relacionados ao manejo das unidades de conservação e temas correlatos, especialmente em relação à gestão para resultados, alternativas para a proteção da biodiversidade, economia dos ecossistemas e da biodiversidade, perda de recursos naturais, serviços ecossistêmicos, entre outros.

Mostra de Conservação da Natureza

A Mostra é um espaço criado para que instituições públicas e privadas divulguem suas ações em prol da conservação da natureza, assim como iniciativas inspiradoras e de vanguarda. Com entrada gratuita, tanto congressistas como o público geral terão acesso à Mostra, garantindo que todos tenham a oportunidade de conhecer práticas inovadoras que aliam a conservação à economia.

Sobre a Fundação Grupo Boticário

A Fundação Grupo Boticário é fruto da inspiração de Miguel Krigsner, fundador de O Boticário e atual presidente do Conselho de Administração do Grupo Boticário. A instituição foi criada em 1990, dois anos antes da Rio-92 ou Cúpula da Terra, evento que foi um marco para a conservação ambiental mundial. A Fundação Grupo Boticário apoia ações de conservação da natureza em todo o Brasil, totalizando mais de 1.500 iniciativas apoiadas financeiramente. Protege 11 mil hectares de Mata Atlântica e Cerrado, por meio da criação e manutenção de duas reservas naturais. Atua para que a conservação da biodiversidade seja priorizada nos negócios e nas políticas públicas, além de contribuir para que a natureza sirva de inspiração ou seja parte da solução para diversos problemas da sociedade. Também promove ações de mobilização, sensibilização e comunicação inovadoras, que aproximam a natureza do cotidiano das pessoas.

0 comentário em “IX CBUC tem data confirmada em Florianópolis! Inscrições até dia 19 de julho de 2018!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: